Turra: “China não conseguirá repor rebanho suíno em cinco anos”!

De acordo com o ex-ministro da Agricultura, não há nenhum temor de redução das exportações brasileiras de suínos à China nos próximos meses.

 China não irá recompor seu rebanho de suínos nos próximos cinco anos. A afirmação foi feita pelo ex-ministro da Agricultura, Francisco Turra, ao ser questionado durante evento da Federasul – “As oportunidades e as ameaças do agronegócio”, no Tá na Mesa, realizado nesta quarta, 14. Para Turra, que também é presidente do Conselho de Administração da Associação dos Produtores de Biocombustíveis do Brasil (Aprobio), não há nenhum temor de redução significativa das exportações brasileiras de suínos à China nos próximos meses.

“A verdade é que a peste suína africana não está controlada naquela país”, frisa. “Ela é controlada em uma província e logo surge um novo foco em outra”, ressalta. Segundo o entrevistado, as matrizes de suínos da China neste momento são de 42 milhões de cabeças, sendo que superavam 50 milhões antes do surto de peste africana no país. O analista da Safras & Mercado, Paulo Molinari, destaca que o número atual de matrizes da China é ainda menor, estando em torno de 38 milhões de cabeças, segundo últimos dados do Departamento de Agricultura do Estados Unidos (USDA).

Relacionados

Deixe um Comentário